quarta-feira, 16 de setembro de 2015

O LAÇO E O ABRAÇO

O LAÇO E O ABRAÇO 

Mário Quintana


Meu Deus! Como é engraçado! 
Eu nunca tinha reparado como é curioso um laço... uma fita dando
voltas. Enrosca-se, mas não se embola, vira, revira, circula e
pronto: está dado o laço. É assim que é o abraço: coração com
coração, tudo isso cercado de braço. É assim que é o laço: um
abraço no presente, no cabelo, no vestido, em qualquer coisa onde o
faço. 
E quando puxo uma ponta, o que é que acontece? Vai escorregando...
devagarzinho, desmancha, desfaz o abraço. 
Solta o presente, o cabelo, fica solto no vestido. 
E, na fita, que curioso, não faltou nem um pedaço. 
Ah! Então, é assim o amor, a amizade. 
Tudo que é sentimento. Como um pedaço de fita. Enrosca, segura um
pouquinho, mas pode se desfazer a qualquer hora, deixando livre as
duas bandas do laço. Por isso é que se diz: laço afetivo, laço de
amizade. 
E quando alguém briga, então se diz: romperam-se os laços. E saem
as duas partes, igual meus pedaços de fita, sem perder nenhum
pedaço. Então o amor e a amizade são isso... 
Não prendem, não escravizam, não apertam, não sufocam. 
Porque quando vira nó, já deixou de ser um laço!




___________________________________________________________

Já li esse poema em um outro momento e fiquei encantada, Mário Quintana como sempre toca o coração da gente com as palavras em forma de poesia.
Se eu amo um laço?
Muito!!! 
Elegante, chique, delicado,...para ficar belo tem que fazer com capricho e cuidado. Para ficar bem feito tem que fazer várias vezes, até pegar prática pelo menos comigo é assim.
É como um abraço!
Nem todos sabem abraçar!
Nem todos querem um abraço!
Soa estranho isso!
Eu?
Eu amo um abraço, assim como amo um laço!
Um livro que não esqueço e sempre leio para os meus alunos é:"Menina bonita do laço de fita"!
Encantadora a história como um laço e um abraço!
Então aqui vai uma foto de um abraço bonito como um laço!
Eu e o meu amor!
Um abraço quer dizer muita coisa...



2 comentários:

Sonia Tolfo disse...

Que bela lembrança do Mário Quintana! Ele é magico com as palavras e esse poema reflete bem o que é um abraço. Adorei o teu relógio, será que consigo levar pro meu blog ou foi feito pra ti?

Abraço!

Sonia

Allê Monteiro disse...

Oi Sonia!!!
Desculpa a demora...pode levar o relógio sim!!!
Beijossssssssssss
Allê Monteiro